Show simple item record

dc.contributor.authorAlmeida, Gilberto Teixeira dept_BR
dc.date.accessioned2021-02-14T00:24:37Z
dc.date.available2021-02-14T00:24:37Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.unaerp.br//handle/12345/148
dc.description.abstractOs acidentes com materiais biológicos constituem-se um problema importante de saúde pública no Brasil devido à alta nocividade e potencial de morbidade. Diante da necessidade de analisar aspectos referentes a esses acidentes e da perspectiva de elaboração de estratégias que incentivem e promovam a interface entre educação e saúde, o objetivo do estudo é elaborar estratégias para capacitação de profissionais da área da saúde, a partir do perfil das vítimas de acidente de trabalho em 2015, no município de Uberlândia/MG, tendo em vista a redução dos acidentes de trabalho. Trata-se de um estudo descritivo, transversal, de caráter retrospectivo, que utilizou como método a pesquisa documental, com abordagem quantitativa. Este estudo foi realizado no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST), tendo como fonte principal de dados as fichas de notificação de Acidente de Trabalho com Material Biológico (ATMB), relacionadas ao trabalhador acidentado e ao acidente propriamente dito. A partir da análise dos dados, supõe-se que as características e as condições dos locais de trabalho da equipe de enfermagem favoreceram a exposição ao risco, no entanto faz-se necessário melhorar as condições laborais para que as estratégias de prevenção possam, realmente, evidenciar os trabalhadores como protagonistas desse processo. As práticas educativas para minimização do risco biológico podem ser otimizadas por meio da sensibilização de toda a equipe, quanto à exposição ao risco biológico e à imperiosa necessidade de utilização de EPI. Portanto, cabe ressaltar a urgência de se criarem espaços profícuos de debates a respeito de uma nova cultura, pautada em práticas seguras de trabalho nos ambientes hospitalares e ambulatoriais. Considera-se que as estratégias de educação continuada sejam oportunas e pertinentes no cenário de práticas profissionais em saúde, podendo ter impactos na prevenção, tanto de riscos ocupacionais quanto dos acidentes propriamente ditos. O presente estudo deve contribuir para ampliar os debates em torno da importância de processos formativos pautados em estratégias que realmente contribuam, não somente para a diminuição dos ATMB, mas também para a valorização profissional dos trabalhadores em saúde, considerando suas múltiplas dimensões: social, cultural, ética, estética, afetiva e, sobretudo, humana.
dc.relation.ispartofMestrado em Saúde e Educaçãopt_BR
dc.titleEstratégias para capacitação de profissionais da rede de saúde de Uberlândiapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisorCaritá, Edilson Carlospt_BR
dc.identifier.codacervo148508pt_BR
dc.identifier.filename0000071e.pdfpt_BR
dc.identifier.linkpergamumhttp://pergamum.unaerp.br:8080/pergamumweb/vinculos/000007/0000071e.pdfpt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record



UNAERP
Plataforma
DSpace
Desenvolvido por
Digital Libraries
Licenciamento
Creative Commons